8x18: "THREE WORDS" (TRÊS PALAVRAS)


Um homem, mais tarde, identificado como Howard Salt, caminha perto da cerca em volta da rua onde fica a Casa Branca. Ele põe luvas, escala a cerca e corre em direção à casa. Agente do Serviço Secreto o interceptam enquanto ele diz que "ele precisa saber", e que "alienígenas estão tomando conta dos EUA, ele precisa saber". Salt puxa uma arma, e enquanto os agentes tentam tomar a arma dele, um tiro atinge a barriga de Salt. Enquanto Salt agoniza, ele dá um CD-ROM a um agente, pedindo para dar ao Presidente. No CD-ROM está escrito, "Fight the Future" ("Combata o Futuro").

 

Mulder está no seu quarto no hospital, gentilmente tocando as feridas em seu rosto e se lembrando do que foi feito nele durante sua abdução. Scully e um médico entram no quarto. Eles têm importantes notícias para dizer. Além da incrível recuperação de Mulder, a doença terminal que ele tinha não foi detectada. O vírus desapareceu, depois do tratamento com drogas antivirais e das transfusões de sangue. As cicatrizes em seu rosto e corpo estão se curando sozinhas. Ele está com uma saúde perfeita. Mulder diz que se sente como Austin Powers. Mais tarde, Scully leva Mulder de volta para seu apartamento. Ele olha em volta e percebe que um de seus peixes não está mais ali. Scully diz a Mulder que ele não pode entender como foi -- saber de sua abdução, da procura por ele, encontrá-lo morto e agora tê-lo de volta. As orações dela foram respondidas. Mulder diz que a gravidez dela também é uma resposta às suas orações, e ele está feliz por ela. Ele, entretanto, não tem a menor idéia de onde se encaixar agora. Ele está tendo problemas em processar tudo o que aconteceu a ele.

 

Na prisão federal em Perkey, um funcionário está distribuindo livros da biblioteca a prisioneiros. Ele tem o novo livro de Harry Potter. Ele dá um livro a Absalom, entitulado "The Coming Apocalypse" ("O Próximo Apocalipse"). Dentro do livro há um recorte de jornal sobre um homem da censura que foi baleado no jardim da Casa Branca. O diretor Kersh está assistindo um noticiário na TV sobre o censor quando Doggett e Skinner entram na sua sala. As pessoas raramente são o que parecem, comenta Kersh. Scully submeteu um formulário pedindo a readmissão de Mulder nos Arquivos X. Kersh quer negar o pedido dela. As estatísticas de sucesso nos Arquivos X desde que Doggett os assumiu é mais alta do que durante o tempo em que Scully e Mulder trabalharam juntos, ele diz. O FBI não é lugar para uma cruzada pessoal, Kersh diz, e manda Doggett dizer a Mulder que ele não será readmitido. Kersh diz que a alternativa é fechar os Arquivos X completamente.

 

Skinner e Scully vão dizer a Mulder sobre a decisão de Kersh. Mulder acha que tudo faz parte de algo que foi planejado oito anos atrás. Pela primeira vez, Mulder fica sabendo que Scully teve um novo parceiro nos últimos meses. Doggett não sabe muito sobre o paranormal, mas Scully diz que ele está acima de qualquer suspeita e que também está sendo manipulado. Mulder quer voltar a trabalhar de qualquer maneira. No condado de Bassett, um grupo de trabalhadores da prisão, incluindo Absalom, está trabalhando numa estrada. Na lama, Absalom encontra uma barra com um prego saindo e guarda dentro do seu uniforme. Enquanto os prisioneiros estão sendo postos de volta na van, ele usa a barra para bater em um guarda e foge. Ele é perseguido, mas engana os guardas ao cruzar o caminho de um trem, que bloqueia a perseguição.

 

Mais tarde, Doggett volta para casa e encontra Absalom esperando por ele. Absalom pega a arma de Doggett e a aponta para ele. Ele manda Doggett colocar as mãos para trás e se inclinar para frente, para que Absalom possa olhar a parte de trás de sua nuca. Ele tem que ter certeza de que Doggett é mesmo Doggett, ele diz. Doggett vê o recorte de jornal. Absalom diz que "eles" assassinaram Salt por causa do que ele sabia, assim como a vida de Absalom está sendo ameaçada. Ele jura mostrar a Doggett depois dele espalhar a palavra. A invasão começou. Eles já estão aqui. Enquanto Absalom despeja frases bíblicas, o telefone toca e mas ele não deixa Doggett atender. É Scully chamando. Ela está com Skinner numa reunião sobre a fuga de Absalom. As palavras "Fight the Future" foram encontradas na parede da cela de Absalom. Os agentes na sala estão cépticos quanto aos comentários que Absalom fazia sobre abduções alienígenas, cura e invasão alienígena. Skinner reforça que enquanto não houve provas daqueles comentários, também não houve nada que os negasse. A evidência de tortura era real. Skinner diz a Scully que aquilo era obviamente um Arquivo X e que quer que Doggett comande. Scully responde que está "por dentro de tudo". Enquanto eles falam, o celular de Scully recebe uma mensagem de Mulder: "Onde está todo mundo, venham logo."

 

Eles encontram Mulder em sua sala, com os pés na mesa. Só por estar lá, ele poderia colocar em risco os Arquivos X, mas ele ignora tais avisos. Mulder já sabe sobre Absalom e percebeu que Salt foi visto numa fotografia tirada de pessoas no grupo de Absalom. Mulder não sabe mais nada sobre o caso, mas tem um grande palpite. Salt, ele diz, era um abduzido múltiplo, que estava tentando falar com o Presidente e foi assassinado por causa do que ele sabia. Scully e Mulder visitam a sala de evidências do FBI. Mulder localiza os pertences de Howard Salt, incluindo o laptop de Salt. O disco rígido tem um arquivo encriptado de dez gigabytes. Ele remove o disco rígido e eles saem da sala de evidências.

 

Absalom e Doggett chegam no Centro Federal de Estatísticas em Crystal City. Absalom grudou uma arma nas costas de Doggett que poderia ser disparada na direção da cabeça de Doggett. Absalom está segurando a arma. As credenciais de Doggett os fazem passar pelo posto de guarda, mas um raio-x escondido localiza a arma. Absalom quer acesso ao local em que eles compilam os dados do censo atual. Ele acha que há provas nos dados do censo de que os alienígenas estão entre nós. Quando os dois entram na sala dos computadores, guardas aparecem armados. Doggett fala para eles recuarem e abaixarem suas armas, mas um dos guardas atira na testa de Absalom, matando-o na hora.

 

Doggett está na sala de Skinner. Skinner pergunta sobre o que Absalom disse sobre os registros do censo conterem provas. Mulder entra e Skinner tem que adverti-lo pelo jeito agressivo com que ele trata Doggett. Mulder acha que Doggett está ocupado escondendo a verdade. Ele fez com que matassem Absalom por causa do que ele sabia. Mais tarde, Frohike cumprimenta Mulder na porta do apartamento de Scully. Não é justo, Frohike diz, que Mulder tenha estado morto por seis meses e ainda pareça melhor que Frohike. Byers e Langly também estão felizes em vê-lo, apesar de Langly dizer que Mulder pode ter se envolvido em um "certo evento abençoado". Os Pistoleiros conseguiram decriptar parcialmente o arquivo no disco rígido de Salt. Os dados foram copiados do Centro Federal de Estatísticas (CFE) no dia em que Salt morreu. Quinze minutos depois de Salt ser baleado, os dados do CFE foram protegidos. Mulder acha que isso significa que ele estava certo e que eles matariam para proteger o que está naqueles arquivos. A menos que Mulder possa encontrar uma senha, não há outro modo de verificar os dados. O que está naquele disco rígido é aparentemente apenas uma estrutura de diretório. Scully trouxe os Pistoleiros para tentar convencer Mulder para esquecer isto, mas Mulder os lembra de que aquilo é a América - só porque você tem mais votos não significa que você venceu.

 

Doggett se aproxima de seu amigo, Knowle, enquanto este está fazendo cooper. Knowle cumprimenta Doggett por se desviar de uma bala. Doggett quer saber se está sendo usado. Knowle não pode dizer isso, mas pode dizer a ele três palavras. Mais tarde, Doggett pára Scully do lado de fora do prédio onde ela mora. Ele não pode subir porque Mulder não confia nele. Doggett diz a ela que Salt tinha um disquete de computador que ele estava tentando entregar ao Presidente, de acordo com a fonte de Doggett. A senha para os dados é "fight the future". Scully entra, e encontra Mulder esperando por ela. Ela hesita mas conta a Mulder sobre a informação de Doggett.

 

Alguém bate na porta do apartamento de Doggett - é Skinner. Scully ligou, hesitante. Mulder conseguiu de alguma forma acesso a uma senha para um banco de dados federal cheio de nomes de pessoas com um certo perfil genético sendo rastreado usando o Censo americano. Doggett confessa ter dado a Scully a senha, mas agora não sabe que lado ele está ajudando. Ele está quase falando mais a Skinner. No CFE, Scully está do lado de fora em seu carro, quando Doggett bate na sua janela. Mulder não a ouviria. Doggett diz para ela sair. Ela acha que não pode fazer aquilo a Mulder, mas Doggett diz para ela fazer por si mesma. Ele acha que pode ter prejudicado Mulder. Doggett corre até o CFE. Mulder e os Pistoleiros estão lá dentro, tentando penetrar na segurança do CFE.

 

Com a ajuda dos Pistoleiros, Mulder entra sem que os seguranças percebam. Doggett encontra a sala do guarda vazia. Mulder chega na sala dos computadores e os Pistoleiros abrem a porta remotamente. Ele usa um notebook para acessar os dados e se prepara para enviar os dados por email. Doggett bate na porta, que agora está fechada de novo, dizendo que a vida de Mulder está em perigo e que ele deve sair da sala. Mulder o ignora. Doggett atira pelo vidro da porta, pula para dentro da sala, e de novo avisa Mulder sobre o perigo. Mulder acha que Doggett está tentando proteger os dados, que Mulder diz que provam que os alienígenas estavam visando certas pessoas baseadas em seu perfil genético para abduções e substituições por cópias alienígenas perfeitas. Ele começa a enviar uma cópia dos dados para o jornal Washington Post. Guardas chegam em veículos militares. Scully os vê chegando e usa seu celular para avisar os Pistoleiros que Mulder deve sair. Mulder de novo acha que Doggett estava planejando aquilo para ele, mas Doggett diz que eles dois foram manipulados e que ambos serão assassinados. Langly fala pelo rádio com Mulder que os dados foram interceptados e que não pode ser copiados para transmissão. Byers tem uma idéia de como eles devem sair. Os guardas entram na sala dos computadores e Doggett e Mulder não estão mais lá. Eles estão escondidos sobre o teto suspenso.

 

Knowle está fazendo cooper de novo. Quando ele pára para beber água, Doggett se aproxima. Por que Doggett não deveria expor Knowle? Skinner está caminhando na direção deles pelo parque. Se Knowle caminhar, o nome de Knowle vai ficar conhecido. Knowle pergunta se Doggett o expor, onde ele conseguirá suas respostas? Doggett está parado na ponta de um iceberg, ele diz. Não é sobre Mulder, Knowle diz, é sobre a verdade. Doggett tem tudo para ficar na frente dele nos Arquivos X. Knowle diz que só está tentando deixar Doggett na direção certa. Enquanto Doggett se distancia, vemos que Knowle tem um caroço na parte de trás de sua nuca.